Quando as Emoções se Transformam em Gordura em Nosso Corpo

Toda comida nos traz prazer, e o pior problema é que o fazemos sem perceber – é muito sutil, e isso nos deixa alguns (ou muitos) quilos a cima do ideal. O prazer de comer é tão forte que segundo as observações profissionais, essa força supera a vontade de fazer sexo, de sair às lojas e fazer compras. Ainda insistem que o prazer de comer está além de qualquer outra compulsão.

Como é possível uma pessoa associar as emoções com os alimentos? Sim, é possível e é justamente isso que a maioria faz: “Come para aliviar as emoções” repetidas vezes até que se torna um vício.
emocoes engordaA ansiedade, a tristeza, o descontentamento está associado à comida porque quando a pessoa come, por um momento ela se concentra no paladar (prazer) como que esquecendo ou aliviando a dor dos problemas e pressões da vida.

Parece que por um momento os problemas foram embora, retornando depois e levando a pessoa a comer novamente. Esse ciclo vicioso é lógico, só faz engordar, principalmente porque sempre os alimentos envolvidos nestas horas não são saudáveis: Chocolates, sorvetes, leite condensado, tortas, refrigerantes etc.
como engordar

Duas Dicas Para Se Safar:

Primeiro: A ordem para que isso não aconteça é estar sempre alerta, pois é o pior inimigo no processo onde a pessoa está procurando emagrecer. NÃO arrume desculpas para comer, e sim coma na hora certa, os alimentos mais indicados possíveis (também não seja paranoico).

Segundo: Não perca o foco, procure atividades físicas e pense assim como um “Jogo da Emoções”. Se elas te apertam, dá-lhe práticas físicas, lazer, assista um bom filme, faça palavras cruzadas e tente relaxar e bater um bom papo com alguém que está up.