Por favor Microsoft, deixe meu firefox em paz

Escrevo como um amante confesso do navegador Firefox, pois esta não é a primeira vez que a Microsoft tomou a liberdade conosco – usuários do Firefox.

Quando a gente está bem tranquilo, mantendo a máquina zerada, de repente, ao abrir o navegador o que acontece?

Vem usando sapatinho de algodão, para que a gente aceite preciptadamente o plugin Windows Presentation Foundation no Firefox. Ora, sabemos que a instalação do plugin acontece porque a maioria nem sempre tem noção do que está aceitando. O estranho é que ele vem sem ser solicitado.

Existe um entendimento pela maioria, e é bem lógico que seja assim – o fato de que algum software ou plugin que se instala sem ser requisitado espontaneamente pelo usuário seja tido como malware.

Um fato interessante é que a própria Microsoft interpreta o plugin do Google Chrome que pode ser instalado no Internet Explorer (IE) como um risco para a segurança do seu navegador, mas da mesma forma quer se impor sobre o Firefox. Quizera eu, que tívessemos uma explicação da Microsoft nos dois assuntos para que o mundo seja mais compreensivo (desculpe a ironia, rss)

Para essa empresa e todas as demais eu digo: “Vá em frente, me ofereca atualizações, add-ons e plugins. Mas, por favor, me dê a opção de instalar e ficar sabendo sobre o que está sendo instalado em minha máquina.

Então, peço aqui, delicadamente:

Por gentileza: Deixe meu firefox em paz

Até Breve

Um comentário em “Por favor Microsoft, deixe meu firefox em paz

  1. Pingback: msn 2010

Deixe uma resposta