História de Bath, Cidade de Águas Quentes na Inglaterra, Europa

Cidade de Bath – O sítio do nascente principal foi para os Celtas um lugar sagrado, que dedicaram a Sulius, ao qual na Mitologia romana identificaram com Minerva, apesar do qual a cidade se chamou Aquae Sulis (literalmente: “As águas de Sulis”) durante o domínio romano, durante o qual se construíram grandes edifícios para o banho (termal), incluindo a Grande Terma.bath-7

Estes edifícios foram convertidos em uma das principais atrações turísticas da cidade. Após o abandono da Bretanha por parte do Império Romano, a vida urbana desapareceu do país, mas apesar de terem sido abandonadas as termas romanas de Bath há evidencias de que continuaram a ser usadas esporadicamente.

Os anglo-saxões chamaram ao lugar Baðum, Baðan ou Baðon (nos banhos – ou em português antigo ‘nas caldas’), da qual deriva o nome atual. De seu nome saxão deriva a teoria que diz que Bath é o lugar donde se travou a batalha de Mons Badonicus, onde o Rei Artur se dirigiu aos bretões, conseguindo ganhar aos saxões. Melhor documentada está a Batalha de Deorham, em 577.

Europa Aqui!