Deus, você e as duas caixas

As duas caixas de Deus

Tenho em minhas mãos duas caixas que Deus me deu para guardar. Quando as recebi, Deus me disse:

“Recebe com carinho, meu filho, estas duas caixas mágicas que te dou para viver melhor. Coloca todas as tuas tristezas nesta caixa preta e todas as tuas alegrias nesta caixa dourada. E segue em paz teu caminho”.

Eu atendi Suas palavras e fui guardando minhas alegrias na caixa dourada e minhas tristezas na caixa preta. Depois de um tempo comecei a perceber que, apesar de usar mais vezes a caixa das tristezas, era a caixa dourada que ficava cada dia mais pesada enquanto a preta era tão leve quanto antes.

Curioso, olhei com cuidado a caixa preta e descobri que no seu fundo existia um buraco pelo qual todas as minhas tristezas saíam! Comecei a pensar onde estariam tantas tristezas que eu havia guardado na caixa. E ouvi a voz de Deus dizer:

“Meu filho, elas estão todas aqui comigo. Eu te dei a caixa dourada para que guardasse sempre contigo todas as tuas alegrias e pudesses contar todas tuas bênçãos. E te dei uma caixa preta com um furo para que deixasses todas as tuas tristezas irem embora e para que assim tua vida fosse mais leve. Usa com sabedoria estas duas caixas. Conta sempre tuas bênçãos. Não percas tempo contando tuas tristezas!”

(autor desconhecido)

Breve Regresso.