Chrome OS: Novo Sistema Operacional do Google

Toda empresa não pode ser tímida ao lançar um produto no mercado. Muito menos quando essa empresa seja o Google que lançou essa semana o Chrome OS. Muitas lançam uma versão chamada “Beta”, que serve para teste, para todos usarem e fazer reclamações do que não prestou no software, e além disso o próprio sistema envia informações do seu comportamento para seu criador.

Lembra quando o Google lançou seu pacote chamado “Docs” – a previsão ou pelo menos a pretenção era derrubar os produtos da Microsoft que continuam até hoje em pé, firme e forte, talvéz ainda no futuro o pacote “Docs” possa ter sucesso – e eu acredito nisto.

Bem, hoje temos o que podemos dizer, uma prévia, ou uma versão beta do Sistema Operacional mais comentado – Chrome OS. Mas no ano que vem, e ele está bem pertinho, o Google entra com tudo em um de seus mais ambiciosos projetos: Crome OS, o Sistema Operacional do Google.

Existem muitas especulações, boatos, rumores sobre isto, mas quaze todos estão enganados. O novo sistema operacional, o Chrome OS está com vistas voltadas por enquanto aos notebooks. E sua força e empenho também se direciona para a navegação na internet, embora ele possa vasculhar, usar, e abrir aplicativos na máquina local.

Além disso que já foi dito acima, foram expostos alguns pontos de iniciativas do Chrome OS:

  • Valorização de equipamentos não tão potentes: O grande problema dos vários programas que usamos, e precisamos usar, são softwares que exigem muito da máquina, precisam de muito espaço no disco, uma boa porção de memoria RAM, pra não falar na potência do processador e além disso uma placa de vídeo saltando para fora de tão boa que precisa. Desde 1.999 algumas pessoas vem projetando, tentando e consequentemente falhando em possuir programas que sejam acessíveis sem usar tanta força das máquinas. O Google não desistiu da idéia, e é nessa tecla que ele bate muito forte

Ele quer fazer de computadores com poucos recursos de hardware ser viavel no Chrome OS. E essa é uma aposta grande do Google. O que oficialmente se sabe e tem certeza é que o sistema Chrome OS está totalmente voltado na linha de aplicativos e programas já existentes na Web, na internet. Outra expressão usada é “Núvem”. Tudo que o Chrome precisa está nas nuvens e você com uma boa conexão, mesmo sem ter uma boa máquina, pode usar todos os aplicativos que você precisa.

  • Tudo que precisa estará na Nuvem de Computadores: Já algum tempo, os mais envoltos no assunto, diziam e ainda afirmam que no futuro e bem próximo, pois já existe muito disso no presente, tudo que precisamos para trabalhar estará nas Núvem de Computadores.  Para mim que dei assistencia em 8 estados do Brasil, principalmente para várias empresas no ramo de conexões com a internet isso faz bastante sentido. As empresas estão totalmente ligadas por sistemas que trabalham on-line. Se perdem a conexão, as filiais ficam sem acesso e o problema se agrava. Vi muitas vezes emprezas de frete com caminhões parados porque o sistema estava fora. A Nuvem de Computadores fornece já uma gama elevada de aplicativos. Parece que a meta é que nem mesmo haja disco rígido no equipamento que justifique o Chrome OS, pois sua proposta é absolutamente voltada para navegação.
  • Arquitetura do Chromo OS: A estrutura do sistema do Google é totalmente diferente do que conhecemos hoje, Windows por exemplo que se apoia em toda uma árvore de arquivos ao contrário o Chrome é somente uma imagem. Isso diminui insistentemente a possibilidade de erros no sistema e muitas outras situações. Talvez com um longo tempo à frente, o sistema operacional Windows pode perder muito dos seus usuários. Mas por enquanto a orientação é ter muita cautela sobre a decisão em aderir ao sistema. Tudo tem que amadurecer um pouco mais.
  • Driver e Suporte: O google possui alguns aplicativos na Nuvem de Computador, mas eu te pergunto – Alguma vez você pediu o suporte do Google e foi atendido a não ser direcionado para suas paginas de ajuda que muitas vezes não responde suas questões? Para um sistema operacional não será poucas pessoas. Isso será outro mistério a ser encarado. Mas a promessa é que a simplicidade e viabilidade do sistema do Google não precisará disso.

Pense bem, nossa impressora, nosso pen-driver, nossa máquina fotográfica, nosso celular e outras coisas precisaram de suporte para instalação, e problemas diversos – Nem uma só palavra foi dita a respeito disso.

Lembra quando Deus criou o mundo: Haja luz e a lua apareceu? – O Chromo OS não vem do nada, ele é baseado em Linux, inclusive é o Ubuntu que tem ajudado a trazer a imagem dele – o que significa que precisa de reconhecer esses periféricos que colocamos nesse parágrafo. A grande vantagem é que o código aberto e muitos anônimos estão trabalhando no processo e isso pode tornar menos doloroso o concluir dos fatos. O que a Microsoft gastou anos para chegar no nível da Apple em termos de descoberta de hardware automática e instalação.

Para o Chrome OS funcionar perfeitamente e ter sucesso, o Google vai descobrir isso atravez de um grande empenho e muita dor de cabeça. Mas nós estaremos sempre aqui para dar o nosso pequeno apoio ao usuário

Até Breve

Deixe uma resposta