Bing ganha uma queda de braço do google

Microsoft anunciou ontem em San Francisco que Bing finalmente fez um acordo com o Facebook e com o Twitter para mostrar o status em tempo real e as atualizações em seus resultados de pesquisa. Definitivamente foi um golpe bem no estômago do Google.

Existe rumores que o Twitter é que estava tentando ter um negócio com o Google e com a Microsoft já passados alguns meses. Mas então ontem no Web 2.0 Summit, Bing teve uma vantagem sobre o Google por ser um profissional para dar vantagem ao Microblog na sua Organic Search Engine.Bing-2Embora o Twitter – a mega ferramenta de microblogging é a maneira menos povoadas do Facebook, indicou disparando um Real tempo de procura na interface do usuário do Twitter.

O Facebook, como nós o conhecemos de anos atrás – ja com um templo de Redes Sociais – usado para manter toda a atividade do seu tráfego atrás de um muro de login seguro. Mas fora isso, mais tarde, o Facebook Posts juntamente com as páginas de eventos começaram a flutuar no Googlosphere. Uma indicação clara de que como Twitter e Facebook foram cultivando ao longo de ser uma parte da quota de tráfego Search Engine.

Esta parceria deverá com certeza colocar alguma pressão boa no Google, pois é uma indicação clara que o índice de busca do Google está com falta de informação em tempo real.

NetApplications e StatCounter mais tarde anunciou ontem que ainda o google fica no topo, com 84% de participação no Mecanismo de pesquisa de mercado. Só o tempo dirá se o Google poderia considerar permitir atualizações Rede Social em seus resultados de pesquisa.

A Microsoft ainda tem um longo caminho a percorrer para alcançar a Google. Se isso algum dia acontecer, pois o Google trabalha sem parar. Nós só podemos manter nossos dedos cruzados para que o algoritmo de Bing seja matematicamente e analogicamente bem programado para identificar fragmentos de informação a se retirar do Twitter e Facebook para que a guerra seja mais acirrada.

Até Breve

Um comentário em “Bing ganha uma queda de braço do google

Deixe uma resposta