em Saúde

Benefícios do Chá de Carqueja para a nossa Saúde – Cuidados

Olá pessoal! Neste artigo iremos trazer importantes informações acerca do chá de carqueja, bem como os seus benefícios a nossa saúde. A verdade é que este chá é muito usado por pessoas de idades mais avançadas como meio de prevenção ou tratamento de doenças que são muitas vezes ocasionadas pelo estagio de idade avançada. Então, vamos falar um pouco sobre a erva e o chá como elementos essenciais à nossa saúde.

cha-carqueja

A Carqueja – Benefícios

A Carqueja é uma planta ideal para canteiros de jardins, pois cresce formando tufos espessos. Pelo gosto amargo que possui a medicina popular a recomenda o uso no combate a problemas digestivos e hepáticos. Com seu efeito diurético, auxilia no emagrecimento e no controle da diabetes. Pelo mesmo motivo, deve ser usada com moderação.

 

Como já fora dito no parágrafo anterior em outras palavras, a Carqueja ajuda na má digestão, prisão de ventre, diarréia, gripe, febre, fraqueza, reumatismo, úlcera, inflamação de garganta e nas vias urinárias, má circulação, obesidade, mal estar e muito mais. Além dos benefícios citados, ela ainda protege o fígado contra os efeitos e também contra a ação que o álcool causa no órgão.

Cuidados

Lembrando que todo medicamento deve se usado sob acompanhamento médico, e com a carqueja não é diferente, uma vez que doses em excesso podem baixar a pressão; sendo ainda contra indicado para gestantes e lactantes. Por isso, procure seu médico, pois só ele poderá lhe orientar na maneira mais correta para o uso desta importante planta.

Para que haja um bom aproveitamento da erva, ela deve ser consumida em forma de chá, onde você deverá pegar algumas folhas e levá-las ao fogo. Lembro-vos que deve se ter muito cuidado com o chá, devendo ser consumido duas vezes por semana no máximo, para que você não venha a sentir nenhum efeito colateral como irritação no estômago, causando a diarréia.

Bem, essas foram as informações de extrema relevância sobre a Carqueja e seu consumo, por isso, consulte sempre o seu médico, independente de qual seja o medicamento a ser ingerido, seja ele medicinal ou não.

Escrever comentário

Comentário