em Sites

Apple cria Ping e atinge 1 milhão de usuários em 48 horas

O mundo precisa de música. Apple fez uma façanha difícil de fazer – criou Ping, uma rede social voltada para música integrada ao iTunes versão 10 e em 48 horas se viu com mais de um milhão de usuários. A estratégia foi de mestre, bastou à rede ter sido construída em uma base de milhares e milhares de pessoas. Nenhuma outra empresa conseguiu tanto em tão pouco tempo.

Problemas com o lançamento de Ping
Para atingir mais de um milhão de membros em apenas 48 horas não pense que tudo foi a mil maravilhas. Facebook foi o primeiro problema que sem uma comunicação formal a Apple disponibilizou a opção Facebook Connect para que usuários de ambos os lados se encontrassem, mas parece que isso já foi resolvido.

Outro fato inusitado é que com a movimentação que atingiu mais de um milhão de usuários, transformando esses acessos em bytes transitando na rede web inclusive com mensagens automáticas de uma hora pra outra, foram entendidos por vários firewalls como SPAM causando certo desconforto para muitos usuários.

iTunes Ping

Rede social Musical Ping

Os Primeiros passos na rede social do iTunes – o Ping
A interação foi tão boa que rapidamente milhares de usuários já enviavam pedidos de solicitações para que a Apple melhorasse, acrescentasse ou alterasse algumas coisas.

Basta visitar a página para ver as solicitações tais como:

  • Permita que usuários da rede para postar mensagens, sem essa funcionalidade ficou mais parecendo uma armadilha de incentivo à compra de músicas do que propriamente uma rede social.
  • Não seja tão rigoroso, isso foi a respeito do sistema de aprovação da Apple para integrar o interessado e aprovar o avatar do usuário simples.
  • Permitir Ping pode ser acessado a partir de um navegador web, se é uma rede do iTunes e isso é estratégico e proposital, os usuários solicitaram a veiculação também através de um navegador.

Bem, vamos esperar e ver as soluções que a Apple encontrará para suas solicitações. Enquanto isso…

Fique ligado no blog enquantoisso.com

Escrever comentário

Comentário