Aplicativos do Google já possui suporte a IPv6

Os Especialistas já nos dizem que nos meados de 2011 para 2012 os endereçamentos com o protocolo IPv4 vai acabar devido ao número de computadores conectados.

Isso poderia causar uma colisão de endereços repetidos gerando conflitos ou nem gerando endereços deixando milhares sem conecção. O esgotamento de endereços poderia ser um “tsunami” de protocolos, e vários engenheiros e especialistas trocam resultados para resolver a questão – assim foi criado o IPv6.

Já temos dito aqui que o IPv4 usa 32 bits e pode suportar 4,3 bilhões de dispositivos conectados na Internet ao passo que o protocolo IPv6 com leitura de 128 bits passará a ser ilimitado o número de conecções.

ipv6

O protocolo IPv6 foi criado em 1.998 para substituir o IPv4 quando descobriram que este seria insuficiente com o passar dos tempos.

O Túnel IPv6 redundará no aumento de endereçamento da Internet, além de trazer melhorias tais como configurações automáticas e uma simplificação de configuração de rede e segurança de dados.

Em 2009, Hurricane Electric e NTT America anunciou que o tráfego IPv6 havia duplicado, até como uma forma de teste.

O Google já colocou as propriedades do IPv6 em prática nas pesquisas, no Gmail, nas notícias e em seus aplicativos na nuvem.

Agora em 2010, com a Comcast e Verizon já estão fazendo os primeiros testes públicos do protocolo.

O governo federal E.U. abraçou totalmente a ideia mandato de Junho de 2008 a fim de que as agências fizessem testes verificando se suas redes de backbone estavam aptas para a emigração do protocolo IPv6. Ainda este ano, em Julho de 2010, o Federal Acquisition Regulation sofrerá alterações garantindo que as agências comprem apenas sistemas de TI capazes de processar com o protocolo IPv6.

Informações da Wikipedia e da rede networkworld.com

Fique Sabendo

Deixe uma resposta