Farinha de frutas e Cereais, Como Fazer

Farinha de frutas e cereais são excelentes opcionais de emagrecimento. Uma mistura de casca de frutas (uva, laranja, banana verde e maçã) unidos a sementes (linhaça), ela concentra fibras e ômega 3 podem valer a pena. Quando chegam ao estômago, as fibras, especialmente as solúveis, aumentam os níveis de CCK (outro hormônio que controla o apetite).

“Estudos recentes também mostraram que o ômega 3 pode equilibrar os níveis de insulina no organismo e, com isso, regular a leptina”. Na farinha feita com o bagaço da laranja o poder de queimar gorduras é ainda maior, mas atenção: é preciso ter certeza que é a laranja citrus aurantium, caso contrário, a pessoa consome a farinha de laranja, como fonte de fibra.

farinha-maracuja

A farinha de maracujá tem pectina, uma fibra solúvel que além de ajudar no controle do colesterol e do nível de açúcar no sangue, reduz a absorção da gordura dos alimentos. Segundo pesquisas a pectina se transforma numa espécie de gel no estômago e diminui a fome.

Farinha de maçã: é rica em pectina e tem ação de saciedade. Diminui doenças cardíacas e colesterol. Contém ácido málico, que evita dores articulares e diminui pH sanguíneo.

O processo de fabricação é muito simples, lavar tudo antes, picar ou usar o multiprocessador e expor ao Sol, ou levar ao forno de fogo baixo, tomando o cuidado para não assar ou queimar o material. Por fim, após seco o material, basta moer e pronto.

O ideal é consumir de 2 a 3 colheres diárias de farinha de frutas, mas de forma fracionada para evitar problemas intestinais, já que tem muitas fibras.

Até!

Comments

  1. By Patrícia

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *